Destinos

Arquipélago da Madeira

O arquipélago da Madeira situa-se na placa africana, no oceano Atlântico, quase à mesma latitude de Casablanca; a 1000 km a sudoeste de Lisboa, cerca de 500 km a oeste da costa africana e 450 km a norte das ilhas Canárias aproximadamente.

Este arquipélago é formado pela ilha da Madeira, pela ilha do Porto Santo, pelas ilhas Desertas, e ainda pelas ilhas Selvagens. Apenas as duas maiores (Madeira e Porto Santo) são habitadas, tendo, como principais acessos, o Aeroporto Internacional da Madeira, em Santa Cruz, e o Aeroporto do Porto Santo.

O Funchal, capital do Arquipélago da Madeira, tem acesso por via marítima, através de um porto que se destaca no panorama nacional pelo número de cruzeiros que desembarcam. As restantes ilhas constituem reservas naturais.

Apesar de apresentar uma superfície pequena, a Madeira é rica em cenários majestosos e de rara beleza. Porta de  descoberta dos recantos e encantos deste jardim flutuante!

A Madeira apresenta as suas localidades divididas pelo Funchal, a capital de todo o arquipélago, o Caniço, a Costa Leste (Santa Cruz e Machico), a Costa Oeste (Câmara de Lobos; Ribeira Brava; Ponta do Sol e Calheta), a Costa Norte (Porto Moniz; São Vicente e Santana) e o Porto Santo.

 

1) Funchal

A capital da Ilha da Madeira, uma cidade com 600 anos de história e cultura. O Funchal constitui o maior centro turístico, comercial e cultural de todo o arquipélago da Madeira. A cidade oferece um vasto leque de atividades de lazer, desde visitas aos seus museus, igrejas e outros monumentos, passeios nos seus fantásticos jardins, na Marina do Funchal com o colorido das suas embarcações, compras e saídas à noite para bares e discotecas.

Funchal será o seu ponto de partida para explorar tudo que a Ilha da Madeira tem a lhe oferecer. 

 

2) Câmara de Lobos

Saindo do Funchal em direção a oeste, encontrará a cidade de Câmara de Lobos, típica vila de pescadores e o Cabo Girão, o mais alto promontório da Europa e o segundo mais alto do mundo (580 m). Encontrará ainda nesta região a peculiar freguesia do Curral das Freiras. Situada num vale profundo, o Curral das Freiras apresenta uma das paisagens mais impressionantes da ilha que, com as suas vistas (mais de 500 metros de altura, do miradouro – Eira do Serrado), causam admiração a qualquer visitante.

Distância de Funchal – 10km

 

3) Ponta do Sol e da Calheta + Porto Muniz

O que não falta nas costas ensolaradas da Ponta do Sol e da Calheta, são locais para aproveitar a praia e fazer muitos mergulhos. Nas praias das pitorescas vilas do Jardim e do Paul do Mar se encontram as melhores ondas da Europa para surfar.

Se subir em direção ao Paul da Serra, o maior planalto da Madeira, faça uma pausa para apreciar a bela vista sobre as encostas norte e sul. Siga depois em direção ao Porto Moniz e recarregue as energias com um mergulho revigorante nas piscinas naturais da localidade, formadas naturalmente por restos de lava sobre o Oceano.

Distância de Funchal – 25km

 

4) São Vicente

A viagem continua agora rumo a São Vicente, numa estrada salpicada de quedas de água, de onde ressalta à vista o contraste do verde majestoso com o azul cristalino das águas do mar.

Em São Vicente poderá visitar as Grutas e o Centro do Vulcanismo, o Núcleo Museológico – Rota da Cal, ou simplesmente passear nas ruelas da simpática vila. Aqui o visitante poderá optar por subir novamente até à Encumeada, exaltando os sentidos com a luxuriante vegetação da floresta Laurissilva, ou continuar em frente até Santana, descobrindo pequenos mirantes ao longo do percurso.

Distância de Funchal – 35km

 

5) Santana + Machico

Em Santana é obrigatória a visita às casas típicas, ao Parque Temático e à zona das Queimadas, que constitui o local de partida para belíssimos passeios a pé como o Caldeirão Verde. A descida para o Faial surpreende uma vez mais pela beleza e imponência das montanhas.

Chegando ao Faial terá de optar por seguir para Machico ou continuar a visitar o interior da ilha, seguindo a estrada para as localidades do Ribeiro Frio, Poiso e Pico do Areeiro. Este pico constitui o terceiro ponto mais alto da ilha (1818 m), nele se encontrando belas formações rochosas que se projetam no céu como estátuas sem tempo.

Se seguir para Machico, não perca uma ida ao Caniçal e à Ponta de São Lourenço, o ponto mais oriental desta ilha, de onde pode avistar o Porto Santo.

Distância de Funchal – 42km

 

6) Porto Santo

O Porto Santo é a segunda maior ilha da Região Autónoma da Madeira.

A ilha evidencia-se pela extensa praia de areia, com cerca de 9km. É uma praia de areia amarela e fina que contorna todo o litoral sul da ilha, entre o porto e a Calheta. Oferece sobretudo sossego e um encanto contagiante que não deixa indiferente quem a visita. O clima é seco e estável, com pouca variação térmica entre as estações, pelo que é normal fazer praia durante todo o ano, a temperatura da água é ideal para aproveitar ao máximo suas praias durante o ano inteiro.

 

Descobrir Porto Santo é imergir num local deslumbrante, ao sabor das ondas. É mergulhar na transparência das águas quentes, junto da areia dourada e fina, e relaxar, deixando-se invadir por uma sensação de bem-estar.

Similar Posts